domingo, 18 de outubro de 2009

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

11 mil crianças morrem de fome a cada dia.


Ontem ao finalizar um lanche e consequentemente limpar minha bagunça um pão velho me fez refletir acerca da quantidade de pessoas no mundo que daria a vida por aquele simples alimento. Irônico ou não a imagem deprimente que veio na minha cabeça impediu que eu jogasse o pão no lixo.

Em 1974, durante a Conferência Mundial sobre Alimentação, as Nações Unidas estabeleceram que “todo homem, mulher, criança, tem o direito inalienável de ser livre da fome e da desnutrição...”. Portanto, a comunidade internacional deveria ter como maior objetivo a segurança alimentar, isto é, “o acesso, sempre, por parte de todos, a alimento suficiente para uma vida sadia e ativa”. Não consigo imaginar o que seria simplesmente não ter nada para comer e por esse motivo acho que meu post de hoje é mais que relevante uma vez que as pessoas em geral não têm noção da dimensão desse problema no mundo.

Eis o que nos dizem as estatísticas:
- Há 800 milhões de pessoas desnutridas no mundo.
- 11 mil crianças morrem de fome a cada dia.
- Um terço das crianças dos países em desenvolvimento apresentam atraso no crescimento físico e intelectual.
- 1,3 bilhão de pessoas no mundo não dispõe de água potável.
- 40% das mulheres dos países em desenvolvimento são anêmicas e encontram-se abaixo do peso.
- Uma pessoa a cada sete padece fome no mundo.

Ficou chocado? Eu admito que fiquei e ainda estou pasma, sobretudo, na veracidade dos fatos que estão próximos demais para serem reconhecidos. Não precisamos atravessar o oceano atlântico para nos depararmos com situações como essa, basta olharmos para nosso quintal brasileiro.

Consciência Galera!

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Ter ou não ter ...




Esse foi o dilema que me atormentou nesses ultimos meses. Ter ou não ter um blog. Tosco? talvez... oque importa é que nesse espaço vou poder expressar oque sinto ou penso.

E hoje não poderia deixar de tocar na questão de Honduras. Sinceramente nos meus relativos poucos anos de vida nunca vi o Brasil se meter em uma confusão tão grande. Nosso presidente é um completo sem noção. Literalmente o que podemos vêr ,é o dito popular muito sério:"meteu os pés pelas mãos". Francamente,onde estão os conselheiros do pres. que não o alertaram do risco diplomático que estaria incorrendo em dar "morada" à um presidente deposto,dentro do próprio território de uma embaixada? Celso Amorim,está em sérios apuros uma vez que não podemos depôr nosso pres. por causa desse incidente diplomático "NUNCA VISTO NA HISTÓRIA DESSE PAÍS". Logo quando o país consegue se posicionar na economina mundial, consegue afirma sua liderança global, surge "uma pedra dessa no sapato".

Vamos ver no que vai dár.... O Brasil é um pais que anda p frente e aiiinda se preocupa com os paises que andam p trás.

Are Babaa!